Ouça agora na Rádio

N Notícia

tecmundo

FOTO: tecmundo

iPhone 11: todas as novidades das câmeras da nova geração da Apple

Informações Compartilhadas tecmundo

A Apple enfim anunciou seus novos modelos iPhone 11, iPhone 11 Pro e iPhone Pro Max em um evento na última terça-feira (10). Depois de diversos rumores a respeito do conjunto de câmeras dos dispositivos, já é possível saber as inovações que elas terão. De início, nota-se a diferença quanto ao número de sensores principais de 12 MP: o iPhone 11 exibe uma dupla, enquanto o iPhone 11 Pro e iPhone Pro Max contam com um trio, até então inéditos na linha.

Em termos de software, todas essas variantes vêm de fábrica com um par de câmeras ultra-angular e grande-angular, ideais para capturar imagens de maior amplitude. Contudo, as versões Pro e Pro Max exibem ainda uma teleobjetiva como adicional, para garantir imagens com mais riqueza de detalhes ou com áreas destacadas mesmo em longas distâncias. Em comum, todos os aparelhos contam com uma câmera frontal de 12 MP; ou seja, com resolução maior do que a geração anterior, iPhone Xs.

A seguir podem ser conferidas as novidades mais expressivas dos aparelhos, em especial quanto a recursos de software.

O aguardado Modo Noturno

Comparativos com e sem aplicação do Modo Noturno do iPhone 11. (Fonte: Apple/Divulgação)

O Modo Noturno será capaz de realizar melhorias consideráveis nos registros feitos em ambientes de baixa luminosidade. Alguns modelos Android exibem esse recurso há um tempo e com qualidade avançada, como é o caso dos concorrentes Google Pixel e Huawei P20 Pro, mas dispositivos iOS não possuíam o efeito, o que levava seus usuários a buscarem apps alternativos para garanti-lo.

Agora os novos iPhones contam com o Modo Noturno automático, graças a um HDR inteligente que usa aprendizado de máquina para identificar detalhes mais nítidos e descartar os de menor qualidade em locais escuros.

Adiante também será integrado aos dispositivos um sistema de processamento chamado Deep Fusion, que deverá trabalhar com o novo chipset A13 Bionic para minimizar ruídos e outros tipos de interferências visuais. Embora seja muito útil, o Deep Fusion estará disponível somente nos próximos meses.

Modo Retrato com mais recursos

Efeito High-Key Mono pode ser aplicado no Modo Retrato. (Fonte: Apple/Divulgação)

O Modo Retrato chegou aos aparelhos da Apple com o iPhone 7 e tornou-se quase obrigatório em smartphones sucessores, até mesmo nos mais básicos. E hoje o efeito com fundo desfocado chega especialmente às versões iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max com mais versatilidade, devido à presença das câmeras triplas.

Além disso, em todas as variantes o Modo Retrato passou a exibir fotos desse tipo ainda mais naturais, inclusive quando há efeito bokeh. Assim como anunciado nos updates para iOS 13, o Modo Retrato também terá novas opções de ajustes rápidos exclusivos. Dentre eles está o High-Key Mono, que gera um efeito monocromático rapidamente.

Selfies em slow motion (“slofie”)

Selfies em formato de vídeo podem ser feitas no modo slow motion no iPhone 11. (Fonte: Apple/Divulgação)

A câmera frontal da linha iPhone 2018 também chega ao mercado com um novo efeito especial para selfies em vídeo, apelidado de “slofie”. Com ele, será possível fazer capturas em modo slow motion (120 fps) com qualidade 4K.

Durante uma “slofie”, a tecnologia de reconhecimento facial TrueDepth, da Apple, também irá diminuir o zoom automaticamente para garantir melhor ajuste de imagem no exato momento em que o aparelho for colocado em orientação horizontal.

Dessa forma, o efeito poderá ser útil quando mais pessoas forem incluídas em uma selfie ou houver o interesse em registrar algum objeto em movimento no fundo da imagem.

Gravações com maior poder de personalização

App de vídeo do aparelho ganhou recursos de edição. (Fonte: Apple/Divulgação)

Além de fornecer gravações com HDR a 60 fps, os novos iPhone 11 ganharam um novo recurso de zoom de áudio, o qual pode ser empregado para garantir que um determinado som corresponda ao enquadramento exato de um vídeo.

A Apple também adicionou ferramentas de edição específicas para esse formato de mídia, as quais podem ser utilizadas com a mesma facilidade de recurso de fotos. Logo, será possível aplicar filtros e realizar vários tipos de ajustes diretamente na interface de câmera.

Nova interface e QuickTake

QuickTake permite acesso ao modo vídeo rapidamente. (Fonte: Apple/Divulgação)

Por falar nisso, a companhia de Cupertino também atualizou a interface do app de câmera da linha iPhone 11. Embora não existam grandes inovações aqui, seus ícones ganharam contornos mais suaves e proposta mais minimalista.

Outra alteração sutil é a adição do QuickTake, com o qual será possível realizar uma gravação sem sair do modo foto. Para começar a produzir um vídeo instantâneo, será necessário apenas deslizar o dedo para a direita sobre o botão.

Os novos aparelhos da Apple terão sua pré-venda na próxima sexta-feira (13) com lançamento previsto para 20 de setembro. O iPhone 11 chegará ao mercado a partir de US$ 699 (cerca de R$ 2.853). Já o iPhone 11 Pro e Pro Max terão preços iniciais de US$ 999 (cerca de R$ 4.077) e US$ 1.099 (cerca de R$ 4.485), respectivamente.

FONTE: Tecmundo
Link Notícia

Peça sua Música

Publicidade

Plug Consultoria e Projetos Plug Consultoria e Projetos

Previsão do Tempo