Ouça agora na Rádio

N Notícia

Divulgação/ Internet

FOTO: Divulgação/ Internet

Temer indica servidora de carreira para diretoria do Banco Central

Todas as informações compartilhadas Agência Brasil

O presidente da República, Michel Temer, encaminhou ao Senado o nome de Carolina de Assis Barros, servidora de carreira do Banco Central (BC), para ocupar o cargo de diretora de Administração da autarquia. O despacho está publicado na edição de hoje (2) do Diário Oficial da União.

Para ocupar o cargo, os diretores do BC passam por sabatina na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado e precisam ter o nome aprovado pelo plenário da casa legislativa.

A última vez que o BC teve uma mulher como diretora foi de janeiro de 2008 ao início de 2010, quando Celina Berardinelli foi diretora de Assuntos Internacionais.

No último dia 22, o presidente do BC, Ilan Goldfajn, encaminhou a Temer a indicação para a diretoria. Carolina Barros, que já exerceu as funções de secretária-executiva do Banco Central e chefe de gabinete da Diretoria de Administração, ocupa desde 2012 o cargo de chefe do Departamento de Comunicação.

O atual titular da área de Administração, Maurício Moura, assumirá a Diretoria de Relacionamento Institucional e Cidadania.

Segundo o Banco Central, a pedido, o diretor de Relacionamento Institucional e Cidadania, Isaac Sidney, deixará o cargo após 10 anos no exercício de funções na alta administração do Banco Central, como procurador-geral (6 anos), secretário-executivo (2 anos) e chefe de gabinete do presidente (2 anos).

De acordo com o BC, Isaac Sidney permanecerá na função até a transmissão de cargo e depois cumprirá, conforme previsão legal, período de “quarentena” de seis meses.

Kelly Oliveira – Repórter da Agência Brasil

Edição: Maria Claudia

FONTE: Agência Brasil
Link Notícia

Peça sua Música

Previsão do Tempo